Taxistas protestam contra morte de colega na Serra

Um grupo de taxistas da Serra realizou um protesto na tarde desta quinta-feira (27) no município. Eles se manifestaram contra a morte do colega Marcelo de Lima Bahia, assassinado enquanto trabalhava.

Os taxistas saíram em carreata do Shopping MontSerrat, em Laranjeiras, em direção a Jacaraípe.

Os acusados de assassinar o taxista foram presos em Conceição do Castelo, no Sul do Estado. De acordo com informações da Secretaria de Segurança do Espírito Sanrto, Walace Pereira Trindade, de 22 anos, Vanderson de Souza Nascimento, 20 anos e Carlos Henrique Viana da Silva, de 23 anos, confessaram o crime.

Eles disseram que chamaram o táxi e foram para uma casa de Prostituição em Jardim Limoeiro, depois compraram drogas, e em Laranjeiras e seguiram para um bar no bairro Praia Grande para cheirar cocaína.

Em seguida, segundo a polícia, os acusados pediram para dar um “rolé”, enquanto usavam mais drogas, porém, o taxista se recusou a levá-los, afirmando que poderia perder o emprego.

Os três rapazes forçaram o motorista a dirigir por alguns minutos e depois disseram para ele descer do carro. O taxista Marcelo foi amarrado agredido com chutes e pedaços de pau – segundo Wanderson e Carlos, apenas Walace teria cometido as agressões. Depois os três fugiram com o táxi em direção à cidade de Conceição do Castelo.

A polícia informou que Walace possui diversas passagens por tentativa de homicídio, tráfico de drogas, porte de arma, furto e roubo e Carlos possui passagens por tráfico de drogas, porte de armas, furto e roubo. Os três suspeitos foram autuados por homicídio duplamente qualificado e serão encaminhados para o presídio.

Direto da Redação
Record News Espírito Santo / Rede SIM