Seleção feminina de futebol defende hegemonia na Copa América

A seleção brasileira feminina de futebol enfrenta a Argentina nesta quinta-feira (5), às 19 horas (de Brasília), em Coquimbo, no Chile, em sua estreia na Copa América de 2018. Hexacampeão, o Brasil defenderá a sua hegemonia na competição, que viverá a sua oitava edição e tem como principal atrativo para o time comandado por Oswaldo Alvarez, o Vadão, o fato de dar vagas no Mundial de 2019, na França, e na Olimpíada de 2020, em Tóquio.

O campeão e o vice do torneio sul-americano garantirão lugar direto no grande evento em solo francês, enquanto o terceiro colocado disputará uma repescagem contra um representante da Concacaf em busca de um outro lugar. A seleção vencedora da Copa América também vai assegurar um posto nos Jogos Olímpicos e a vice-campeã jogará uma outra repescagem contra uma nação da África por uma segunda vaga na capital japonesa. Para completar, a disputa no Chile distribuirá quatro postos nos Jogos Pan-Americanos de 2019, em Lima.

O Brasil faturou o título sul-americano em 1991, 1995, 1998, 2003, 2010 e 2014 e só não ficou com a taça de campeão em 2006, quando foi surpreendido pela Argentina na decisão realizada na casa da adversária.

Clique aqui e saiba mais! 

Fonte: R7.com