Procon notifica organizadores de shows de Mariah Carey por suspensão de apresentações

Após a turnê sulamericana de Mariah Carey ser cancelada, o Procon-SP notificou os organizadores dos shows da cantora. O órgão quer identificar as causas da suspensão e ver qual orientação as produtoras oferecem para o reembolso do ingresso.

As empresas Stage Entertainment, Lens Events e Ingresso Rápido precisam apresentar suas defesas nesta segunda-feira (31). Se o Procon-SP não aceitar a justificativa, poderá multá-las.

Para o órgão, a decisão gerou prejuízos a fãs que tiveram despesas com compra de passagens e reservas de hospedagem não reembolsáveis. As empresas informaram que irão responder à notificação no prazo determinado.

Mariah Carey anunciou em sua conta oficial de Twitter a suspensão de suas apresentações. A cantora acusa os promotores dos shows de serem negligentes com os fãs latinos.

“Informo a todos meus seguidores na América do Sul que estou devastada por esta parte da minha turnê ter que ser cancelada. Agradeço a todos por toda excitação e amor. Espero ver vocês em breve, meus queridos”, comentou a compositora.

Veja o comunicado na íntegra:

A Fundação Procon-SP, órgão vinculado à Secretária de Justiça e Defesa da Cidadania do Estado de São Paulo, notificou as empresas Lens Events, Stage Events e Ingresso Rápido pelo cancelamento do show da cantora Mariah Carey programado para o Brasil.

Na notificação o Procon-SP solicitou que as empresas devem prestar os seguintes esclarecimentos: Informar e comprovar os motivos pelos quais o show foi cancelado, quais os meios de divulgação sobre o cancelamento do show foram utilizados, as opções que eram dadas aos consumidores em razão do cancelamento do evento, especialmente o reembolso e quais os canais disponíveis para atendimento aos consumidores atingidos pelo cancelamento do evento.

As notificações foram encaminhadas às empresas que terão direito à defesa. Sendo contatadas as irregularidades ao fim do processo as empresas poderão ser multadas.

Clique aqui e leia mais!

Fonte: R7.com