Prefeitura de Vitória faz ajustes para facilitar o transporte e o deslocamento de passageiros até o novo aeroporto

O novo aeroporto de Vitória irá gerar grande movimentação de pessoas e trabalhadores na região. A Prefeitura fará ajustes para facilitar a vida de quem precisa se deslocar até o novo terminal de passageiros.

A linha municipal 123 (Aeroporto-Bela Vista) irá atender quem precisar chegar ao aeroporto ou sair dele. A linha já existe, mas o ponto final fica em Bairro República. A partir de agora, de acordo com a Secretaria de Transportes, Trânsito e Infraestrutura Urbana de Vitória (Setran), o ponto final será no aeroporto. O itinerário da linha não sofrerá mudança e apenas será estendido.

Os ônibus sairão do aeroporto, vão atravessar a atual avenida Adalberto Simão Nader e entrarão em Bairro República, seguindo a rota que já fazem. Veja o itinerário atualizado. Os atuais usuários não serão prejudicados. Cinco coletivos executam 36 viagens por dia nesse trajeto. O primeiro horário será às 5h10 e o último, às 22h45. Já aos domingos e feriados, a linha 122 (Maria Ortiz-Jardim Camburi) fará o novo percurso até o aeroporto.

Ajustes

Com o início das operações no novo aeroporto, a Setran estuda fazer ajustes quando houver necessidade e demanda, criando alternativas de transporte para o aeroporto.

A Adalberto Simão Nader contará com quatro pontos de ônibus em cada um dos sentidos. Os abrigos dentro da área do aeroporto são de responsabilidade da Infraero.

Táxis

O novo aeroporto contará com 15 vagas em pontos para taxistas e outras 120 para estacionamento. No aeroporto, estão autorizados para atuar 75 taxistas. Já nesta sexta-feira (30), eles já vão usar os novos pontos. Haverá vagas em pontos para motoristas de aplicativos, mas eles não terão vagas de estacionamento.

Avaliação

Segundo a subsecretária de Transportes, Leila Casagrande, a demanda será determinante para o aumento da frota ou dos horários. Ainda será definido, por exemplo, se a linha 241 (Mário Cypreste/Jardim Camburi) poderá também mudar o itinerário, porém, essa linha já passa pela Adalberto Simão Nader.

Leila explicou que a Prefeitura e as empresas de transporte público que atuam em Vitória vão monitorar a movimentação e a nova demanda. “Faremos pesquisas de opinião, monitoramento o dia inteiro e avaliação nos pontos de influência do novo terminal e, assim, acontecerão os ajustes de forma gradual”, destacou.

Direto da redação, com informações da Prefeitura de Vitória