Polícia Militar detém duas pessoas com carga roubada e quase 100 mil reais em Boa Esperança

Na tarde desta terça-feira (22), a policiais do Serviço de Inteligência do 2º Batalhão realizaram uma operação que resultou na prisão de dois homens no município de Ecoporanga, na região noroeste do Estado.

Após o Serviço de Inteligência obter informação que um caminhão carregado com uma carga roubada estaria saindo de uma residência no KM 20, no município de Boa Esperança, os policiais foram acionados e abordaram o veículo. Foram localizadas, na carroceria do caminhão Volkswagen, de cor amarela, 123 caixas com câmaras de ar para veículos.

Os ocupantes do caminhão não souberam informar a procedência das caixas e não tinham as notas fiscais dos produtos. Ainda foram localizados com os suspeitos a quantia de R$ 21.000,00 em espécie e 76.122,00 em cheques.

Na sequência, equipes da Força Tática juntamente com as guarnições do DPM de Boa Esperança foram à residência onde estariam depositados outros materiais roubados. No imóvel foram encontrados 181 pneus para veículos. Um terceiro suspeito, responsável por guardar os produtos roubados, fugiu do local antes da chegada da polícia.

A dupla informou que saiu da cidade de Teixeira de Freitas, na Bahia, com uma carga de leite e água de coco e foi até a cidade de Cariacica, onde distribuiu os produtos em padarias e sorveterias. Os suspeitos retornaram à Boa Esperança, onde carregaram o caminhão com as câmeras de ar no depósito clandestino, em uma propriedade rural.

Foram recuperados 181 pneus e 123 caixas com câmara de ar, produtos de uma carga que havia sido roubada. Também foram apreendidos R$ 21.000,00 em espécie e R$ 76.122,00 em cheques. A ação foi no município de Boa Esperança.

Segundo os detidos, os produtos, o dinheiro e os cheques seriam levados até a cidade de Teixeira de Freitas e seriam entregues ao dono da propriedade rural de onde eles pegaram a carga.

Todo o material apreendido e os detidos foram encaminhados à 17ª Regional de Polícia Civil para o registro da ocorrência.

Direto da redação
Record News / Rede SIM
Com informações da Polícia Militar