Polícia busca acusados de matar homem em shopping de Vila Velha

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Crimes Contra a Vida de Vila Velha, sob responsabilidade do delegado Ricardo Almeida, concluiu o inquérito que investigava o crime de homicídio de João Walbert Valério Pereira, vulgo “Walbinho”, fato ocorrido no dia 1° de abril, no interior do Shopping Boulevard, em Vila Velha.

Foram indiciados Maurício Geciano Rodrigues, vulgo “Mau-Mau”, de 20 anos, apontado como executor do crime, Douglas Souza Lopes, vulgo “Tio Chico”, de 24 anos, apontado como mandante do crime, Evandro Silveira de Almeida, vulgo “Carioca”, de 27 anos, responsável por avisar ao executor sobre a presença da vítima no local e Moisés Gomes Pereira, que trabalhava como segurança no shopping no dia do fato e, após o crime, recebeu a arma do executor e a guardou.

De acordo com o delegado, a motivação do crime foi pelo fato dos autores acreditarem no envolvimento de “Walbinho” no assassinato de Paulo Geovane Ferreira Xavier, vulgo “Jô”, fato ocorrido no dia 13 de janeiro, no bairro Ilha da Conceição. Paulo Geovane era o chefe do tráfico de drogas no bairro onde foi assassinado e Doglas Souza era considerado o seu braço direito.

O circuito interno de segurança do shopping gravou o momento da correria no local. Confira:

Moisés Gomes está respondendo pelo crime em liberdade e os outros três envolvidos possuem mandado de prisão preventiva e estão foragidos. A Polícia Civil pede a colaboração da população que caso tenha informação do paradeiro dos acusados denunciem através do Disque-Denúncia 181, o sigilo e anonimato são garantidos.

Direto da Redação, com informações da Polícia Civil
Record News ES / Rede SIM