Oficinas de educação patrimonial são oferecidas em Itapina

O Projeto “A Escola Maria Ortiz como lugar de memória”, oferecerá oficinas de educação patrimonial com aulas teóricas e de campo, aberto a professores, alunos e comunidade em geral na localidade de Itapina, em Colatina, noroeste do estado. O objetivo é verificar as contribuições da escola para a formação da identidade cultural e para a conscientização sobre a proteção e preservação do patrimônio cultural.

Trata-se de um projeto cultural realizado com recursos do Fundo de Cultura do Estado do Espírito Santo (Funcultura), referente ao Edital de Seleção de Projetos, que tem o objetivo de apoiar projetos que oportunizem a promoção da educação patrimonial, visando a preservação e proteção do patrimônio arquitetônico, natural, ecológico, paisagístico e arqueológico.

Como projeto secundário, será criado o “Cineclube Itapina”, com recursos próprios e de colaboradores, visando inovar a prática pedagógica por meio de exibições cinematográficas e debates abordando aspectos relevantes à prática cineclubista e à cultura capixaba, especialmente, sobre o sítio histórico de Itapina.

A aula inaugural ocorrerá no dia 05 de junho, na Escola Maria Ortiz. As inscrições são gratuitas, abertas à comunidade em geral e poderão ser feitas no próprio local ou pelo blog do projeto www.patrimonioescolaitapina.blogspot.com.br, com o seguinte conteúdo:

Como produtos do projeto serão confeccionados 1.000 folderes de divulgação; 2.000 cartões postais; um blog sobre o projeto; uma página no Facebook; 50 camisas; um canal no Youtube, além de uma sessão cineclubista no Museu Virgínia Tamanini e uma exposição fotográfica e de objetos que resgatem a memória e as contribuições da Escola Maria Ortiz para a formação da cultura local.

Confira a programação:

­17/07 – Oficina história oral, Acervos pessoais, registros audiovisuais e sessão cineclubista
­31/07 – Atividades práticas, gravação de depoimentos e produção de documentário.
­02/09 – Exposição fotográfica e de objetos (resultado do projeto) e sessão cineclubista.

Direto da redação
Record News / Rede SIM
Com informações de Bartolomeu Bueno