‘Música está descartável’, diz Alexandre Pires

O samba é uma composição de Leandro Fab e Juninho de Jesus, neto da sambista Clementina de Jesus e integrante do grupo Clareou, e com produção e arranjos de Marquinhos dos Santos, baixista do cantor Mumuzinho.

Ícone do pagode 90, que hoje conta com status de cult, Alexandre mostra humildade quando perguntamos como é ser um modelo para artistas que surgiram depois dele.

“É uma responsabilidade muito grande. Não me vejo como um modelo de artista. Estou sempre trabalhando para melhorar a cada dia”.

E o que será que na opinião dele está acontecendo de mais novo na música brasileira? “Hoje, a música está muito descartável. São muitos ritmos, muitos artistas e muitos lançamentos que acabam não dando tempo de consolidar uma música como um hit inesquecível, pois o público não tem tempo hábil para absorver aquela música”, afirma.

Clique aqui e continue lendo! 

Fonte: R7.com