Museu do Colono em Santa Leopoldina reabre as portas com acervo e prédio restaurados

O Museu do Colono em Santa Leopoldina está de cara nova. Cerca de 500 itens entre móveis, obras de artes, fotografias e documentos em geral foram restaurados além das obras no próprio prédio do museu.

A cerimônia de reinauguração vai acontecer nesta quarta-feira (04). Entre as melhorias estão obras de acessibilidade, uma praça e um espaço destinado à oficinas e cursos para a comunidade.

A reforma e as restaurações do Museu do Colono são resultado de uma parceria da Secult com o Instituto Sincades. O evento terá a apresentação do grupo Brasil Tambores, de Santa Leopoldina, promete animar o encontro.

As restaurações

Um esforço delicado e minucioso de restauração está devolvendo ao Museu do Colono, em Santa Leopoldina, cerca de 500 itens do acervo histórico, tais como: pinturas óleo sob tela, esculturas, livros, documentos, fotografias entre outros.

Os trabalhos foram realizados pelo Núcleo de Restauração e Conservação do Centro de Artes da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), o Instituto Goia, que ficou responsável pelo mobiliário, as restauradoras Karine e Karoline Stelzer, que ficaram responsáveis pelo acervo em papel e o restaurador de fotografias,Paulo de Barros.

Serviço:

Reabertura do Museu do Colono
Local: Museu do Colono, Santa Leopoldina
Av. Presidente Vargas, 1501, Centro
Data: quarta-feira (04)
Horário: 17 horas
Atração cultural: Grupo Brasil Tambores