Médico que teve ataque de fúria em Unidade de Saúde de Cariacica denuncia falta de estrutura

O médico Aurédio José Couto que teve um ataque de fúria ontem no Posto de Saúde de Jardim América, em Cariacica, voltou a unidade nesta quarta-feira (16) para trabalhar, mas chegando no local foi avisado de que estava suspenso pela prefeitura. Ele disse para imprensa que não sabia da notificação.

Nesta terça-feira (15) o médico, revoltado com as condições de trabalho do local, derrubou prateleiras, destruiu prontuários, quebrou cadeiras e equipamentos da unidade. Segundo ele, além da estrutura da unidade, falta de tudo no local, até aparelhos para consulta como estetoscópios e termômetros.

Hoje, mais calmo, ele recebeu apoio de vários pacientes que estavam no posto esperando por atendimento e reforçou que mesmo suspenso vai continuar denunciando os problemas enfrentados pelos profissionais da saúde e também pela população, que busca atendimento.

Sobre o quebra-quebra na unidade, a Secretaria Municipal de Saúde informou por nota que “a unidade de saúde de Jardim América está passando por uma reforma para receber um centro de reabilitação. Por conta disso, o médico foi orientado a realizar o atendimento em uma sala diferente da que ele costuma usar. Com isso, o médico ficou um pouco nervoso e quebrou quatro cadeiras plásticas e duas gavetas do armário. O atendimento foi normalizado ainda na manhã desta terça”.

Saiba mais: