Idas da seleção a La Paz tiveram canja de galinha e mal-estar coletivo

A seleção brasileira aprendeu na prática e com derrotas doloridas como se deve fazer para se chegar em La Paz e enfrentar a Bolívia. Até a comissão técnica de Tite elaborar a logística para o jogo desta quinta-feira (5), pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018, muitos jogadores tiveram de passar mal ou apostar em canja de galinha e sorvete como soluções para minimizar os efeitos da altitude de 3,6 mil metros acima do nível do mar.

Clique aqui e leia mais! 

Fonte: r7.com