Idaf apreende 100kg de pescado sem inspeção sanitária em Alegre

A equipe de fiscalização volante do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) apreendeu, na manhã desta quarta-feira (10), 100kg de pescado transportado sem a documentação sanitária oficial obrigatória.

Segundo o técnico do Idaf Waldir Jaccoud Machado, o registro junto ao Serviço de Inspeção Oficial (que pode ser municipal, estadual ou federal) garante a verificação das condições higiênico-sanitárias dos alimentos. “Como não é possível comprovar se os mesmos estavam aptos para o consumo, não podemos expor ao risco os eventuais consumidores”, explicou o técnico.

O material foi destinado à graxaria de um frigorífico e será utilizado na produção de farinha para ração animal (cães, gatos e peixes) após passarem por tratamento térmico adequado de esterilização.

O veículo era proveniente de Marataízes e os produtos seriam comercializados em Alegre. O responsável pela carga receberá multa, cujo valor ainda será definido pelo Idaf.