Globo quer que polícia investigue fotos vazadas de Paolla Oliveira

Paolla Oliveira teve fotos nuas vazadas. As imagens foram feitas ilegalmente em um set de gravações em São Paulo, durante as filmagens da série Assédio, uma produção da TV Globo com a produtora O2.

R7 recebeu as fotos e por respeito à atriz e à emissora não vai divulgar as imagens completas nem a íntegra do material vazado. Elas mostram a atriz de lingerie e tirando a calcinha em uma cena que aparenta ser de romance. No momento da gravação, Paolla usava um tapa-sexo.

Nas redes sociais, a atriz se manifestou sobre o vazamento chamando o responsável de “criminoso”.

“Em um ambiente controlado, fechado e profissional, um criminoso (não há outra palavra que o defina — pois o que foi feito é crime) resolveu fazer fotos clandestinas de um momento mais sensual da série e divulgar em redes sociais. O que para mim é trabalho se transformou em oportunidade para alguém tentar tirar vantagens. O que esta pessoa ganhou com isso? Dinheiro, fama, cliques, likes, popularidade? Pouco importa. Pois o que ele (ou ela) fez para obter isso é crime previsto na lei”, desabafou.

Clique aqui e leia mais!

Fonte: R7.com