Bares e casa de jogos clandestinas são fechadas em Vila Velha

Três bares e uma casa de jogos clandestina foram fechados durante a operação de fiscalização integrada realizada na noite desta sexta-feira (6) na Região da Grande Terra Vermelha. Equipes da 13ª Companhia Independente da Polícia Militar em conjunto com a Guarda municipal surpreenderam um bingo clandestino, na Rua Califórnia, em Barramares, no mesmo momento em que fiscais da Prefeitura interditavam o “Bar da Dita”, no outro lado da rua, por condições sanitárias inadequadas e sem autorização para realização de música ao vivo na área externa do comércio.

Trinta e duas máquinas foram apreendidas e a proprietária do bingo clandestino Maiara da Luz Rosário, 25 anos, foi conduzida ao DPJ de Cobilândia por contravenção penal por jogos de azar. “Pode até ser ilegal, mas a gente não obriga os clientes a virem aqui. Eles vêm porque querem”, reagiu a proprietária. A casa de jogos havia sido inaugurada momentos antes da fiscalização.

Os fiscais da PMVV também interditaram o “Bar do Loi”, na Avenida Brasil, em João Goulard, além de lavrar quatro autos de infração por falta de alvará de funcionamento, habite-se e licença ambiental. O estabelecimento é conhecido por realizar festas funk nos finais de semana. Toda a aparelhagem de som, com 4 caixas com alto-falantes de 20 polegadas, mesa e amplificador foram interditados, além notificação por manter produtos de origem desconhecida.

Com informações da Prefeitura de Vila Velha