Projeto do Incaper viabiliza a instalação de fábrica de doces em Pinheiros

O Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), participou, na tarde desta terça-feira (30), da assinatura de um convênio entre a Fundação Banco do Brasil e a Associação dos Trabalhadores Rurais do Assentamento Nova Conquista (Atranc), para a construção de uma agroindústria no município de Pinheiros.

O projeto “Doce Conquista” contará com a contribuição financeira de R$ 230 mil para a estruturação, fortalecendo a logística de comercialização dos alimentos produzidos pelo assentamento, além do apoio técnico do Incaper e com a gestão administrativa financeira da Fundação de Desenvolvimento Agropecuário do Espírito Santo (Fundagres).

Ao todo, serão atendidas diretamente 19 famílias assentadas, sendo 35 mulheres entre 18 e 60 anos e 26 jovens, além do restante dos membros das famílias assentadas e os 121 associados que vivem nas proximidades do assentamento.

A região vem sofrendo com longos períodos de estiagem, o que vem causando prejuízos na agricultura. “O projeto vem para agregar valor aos produtos locais, além disso, adequação e reaplicação da tecnologia social estruturada no processo de substituição da matéria prima industrializada pela matéria prima local, visando a fabricação de panificados e de outros produtos típicos da região e com matéria prima adequada ao período de safra”, explicou a extensionista do Incaper, Andressa Ferreira Alves.

Fonte: Incaper