A 100 dias da Copa, Tite sofre por ter meio time com problemas físicos

A cem dias do início da Copa do Mundo na Rússia, o técnico Tite precisa lidar com um fantasma que neste início de ano está assombrando a seleção brasileira: o das lesões. Mais do que conviver com a incerteza sobre as reais condições em que Neymar estará no torneio, o técnico se vê às voltas com meio time titular sofrendo com lesões musculares ou de joelho. Além disso, os principais jogadores ainda devem ter uma exaustiva reta final de temporada europeia.

Operado sábado de uma fratura no quinto metatarso do pé direito, Neymar só deve voltar aos gramados em maio. Mas, se a seleção entrasse em campo hoje, Tite teria ainda mais problemas a resolver, já que precisaria escalar sua dupla de zaga, seu lateral-esquerdo, um de seus possíveis volantes e o atacante mais agudo do time sem o melhor ritmo de jogo.

O grande número de lesões fez com que o técnico adiasse em dez dias a convocação para os dois últimos amistosos antes de chamar a seleção para a Copa, diante de Rússia e Alemanha, no fim do mês. A lista será divulgada na próxima semana, e Tite resolveu aproveitar esse tempo para acompanhar in loco a situação de alguns jogadores. Ele está na Europa junto com o auxiliar Sylvinho desde sábado, e nesta terça-feira estará no Parque dos Príncipes para assistir ao jogo de volta das oitavas de final da Liga dos Campeões entre Paris Saint-Germain e Real Madrid – os espanhóis venceram o jogo de ida por 3 a 1.

Clique aqui e leia mais!

Fonte: R7.com